domingo, 26 de fevereiro de 2012

HOJE É DIA DO OSCAR 2012

Com dez indicações, O Artista tem conquistado a maior parte dos prêmios da temporada e se for eleito o melhor filme pela Academia de Cinema ajudará o Oscar a escrever mais um importante capítulo de sua história ao premiar um longa francês e com visual totalmente retrô


Com onze indicações, A Invenção de Hugo Cabret é outro título a investir em um tema do passado, porém, com visual moderno que chamou a atenção dos votantes, tanto é que sua participação na festa se concentra nas categorias técnicas, mas pode surpreender


Na noite de domingo, dia 26/02, mais alguns títulos serão laureados pela Academia de Cinema e Artes Cinematográficas e poderão entrar para a história ou serem esquecidos facilmente dentro de um curto espaço de tempo, tudo depende da opinião e seriedade dos mais de seis mil membros que compõem o grupo de votantes daquela que é considerada a maior festa do cinema mundial e que anualmente comete seus tradicionais erros e acertos. Neste ano não será diferente, ainda mais que existe uma disputa acirrada entre o passado e o futuro e as produções contemporâneas estão sempre no páreo para darem aquela confundida naqueles que adoram participar de bolões e concursos.

Pela lógica, os títulos com maior número de indicações deveriam sair da festa com o maior número de estatuetas, mas na prática as coisas são diferentes. Ao longo da história do prêmio, já teve muito filme que arrebatou vários prêmios técnicos só que fracassou quando foram anunciados os vencedores das principais categorias. É nessa armadilha que novamente pode cair o cineasta Martin Scorsese. Num passado não muito distante ele chegou a causar arrepios na concorrência quando seu O Aviador chegou até a metade da festa papando prêmios secundários, mas na reta final Clint Eastwood o atropelou faturando as principais estatuetas por Menina de Ouro. Em 2012, Scorsese pode viver situação parecida com seu A Invenção de Hugo Cabret. Apesar das onze indicações, o elenco não foi lembrado e nas premiações que antecedem o Oscar o título não tem feito muito sucesso.

O segundo filme com mais indicações é O Artista, este sim com chances de faturar todas as dez indicações que recebeu. Se Scorsese resolveu homenagear os primórdios do cinema utilizando as técnicas mais modernas disponíveis para conseguir um visual arrebatador para sua obra, o cineasta Michel Hazanavicius resolveu mergulhar de cabeça na nostalgia e filmou sua homenagem à Hollywood da virada da década de 1920 para 1930 radicalizando. Em plena era do 3D e efeitos sonoros inacreditáveis ele filmou seu trabalho em preto e branco e sem um único diálogo. Apesar de ser sobre a era do cinema mudo, recursos sonoros e trilha sonora caprichados foram utilizados para envolver o espectador que reaprende a prestar atenção nos mínimos detalhes das cenas para compreender o roteiro, eis o motivo pelo qual Hazanavicius pode passar a perna em seu principal concorrente. A parte técnica de O Artista e A Invenção de Hugo Cabret promete uma briga das boas na festa, mas conta a favor pela predileção do primeiro para ser eleito o melhor filme do ano de 2011 o fato dele ter faturado os principais prêmios da temporada, porém, sua origem francesa pode ser a pedra no caminho da consagração máxima.

Pelo andar da carruagem parece que Jean Dujardin e Meryl Streep devem
levar o Oscar por suas atuações em O Artista e A Dama de Ferro, respectivamente

O fato de ser francês ao menos não parece ser obstáculo para Jean Dujardin, o protagonista de O Artista. Levou todos os prêmios aos quais concorreu e seu principal concorrente é George Clooney por sua atuação em Os Descendentes, longa que pode ser a zebra tanto na categoria de melhor ator quanto na de melhor filme. Já entre as atrizes, Meryl Streep é a mais forte concorrente por sua atuação em A Dama de Ferro, apesar do longa não ter sido muito elogiado e tampouco ser um sucesso comercial. A atriz tem sido muito premiada pelo papel da ex-primeira ministra britânica Margaret Thatcher, mas a política do Oscar de evitar repetir os premiados pode lhe atrapalhar. Viola Davis é outro nome forte pelo papel da empregada negra que aceita durante a problemática década de 1960 relatar suas experiências de vida e de trabalho para uma escritora. O fato de Histórias Cruzadas ter sido bem aceito pelo público americano pode pesar na decisão dos votantes. Correndo por fora está Glenn Close que concorre ao prêmio pela sexta vez após mais de duas décadas de esquecimento da Academia. Em Albert Nobbs ela vive uma mulher que passa a se vestir e se comportar como homem para sobreviver à sociedade preconceituosa do século 19.

Entre os coadjuvantes, Octavia Spencer pelo trabalho em Histórias Cruzadas já pode preparar seu discurso, assim como Christopher Plummer por Toda Forma de Amor, embora exista torcida também para Max Von Sydow por Tão Forte e Tão Perto. Para filme estrangeiro, A Separação, do Irã, é o franco favorito, mas é bom lembrar que ultimamente o Oscar tem surpreendido nesta categoria. Já entre as animações, Rango tem papado literalmente os prêmios aos quais concorre e chega fortalecido na festa, mas também é uma categoria que pode trazer surpresas.

Falando em animações, se Rio do brasileiro Carlos Saldanha foi preterido na categoria destinada aos desenhos, podemos ao menos torcer para que a canção do filme leve a estatueta. E as chances são grandes. Só tem um concorrente e não é dos melhores. Seria uma felicidade para o Brasil este Oscar, embora o quesito não seja dos mais importantes e parece que nem a Academia se importe muito, como se pode constatar com a redução de cinco para duas canções de um ano para o outro do prêmio. Enfim, como sempre esta caixinha de surpresas de onde saem várias estatuetas douradas promete fazer justiça em certas categorias, mas fazer a política da boa vizinhança e a exaltação do cunho comercial em tantas outras. Vamos aguardar a esperada noite de gala do cinema e ver o que acontece.

Um comentário:

renatocinema disse...

Se Streep não vencer...o resto é irrelevante. Até pelo ponto de vista histórico da carreira.

Você também pode gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...