sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

10 GRANDES FILMES DE MERYL STREEP

Não há dúvidas. Meryl Streep é sem dúvida uma daquelas atrizes que ficará na memória do público e crítica como uma das mais talentosas e versáteis intérpretes que o cinema já teve. Da comédia ao drama, ela simplesmente se entrega a seus personagens de tal forma que rapidamente enxergamos em cena criações totalmente verossímeis e a cada novo trabalho ela tem o poder de se transformar fisicamente, conseguindo inclusive ficar o mais próximo possível de personalidades reais como no caso da ex-primeira ministra britânica Margareth Thatcher que ela interpreta em A Dama de Ferro, seu grande trabalho de 2011. Aliás, pelo papel ela tem conquistado mais uma grande leva de prêmios e foi indicada ao Oscar pela 17º vez, um verdadeiro recorde e desta vez com chances de levar para casa sua terceira estatueta. No domingo, dia 12/02, ela recebeu uma homenagem no Festival de Berlim e ganhou um Urso de Ouro pelo conjunto de sua obra. Aproveitando seu grande momento profissional, relembre alguns bons trabalhos que marcaram a carreira desta verdadeira dama das artes dramáticas.
  
Kramer vs Kramer - 101 min – 1979
 
Ted Kramer (Dustin Hoffman) é um profissional para quem o trabalho vem antes da família. Joanna (Meryl Streep), sua esposa, não pode mais suportar esta situação e sai de casa, deixando Billy (justin Henry), o filho do casal, com Ted, que faz de tudo para poder educá-lo e realizar as tarefas domésticas, além de trabalhar, obviamente. Quando consegue ajustar seu trabalho a estas novas responsabilidades, Joanna reaparece exigindo a guarda da criança, mas o ex-marido se recusa e os dois vão para o tribunal lutar pela custódia de Billy.
A Escolha de Sofia – 153 min – 1982


Em 1947, Stingo (Peter MacNicol), um jovem aspirante a escritor, vai morar no Brooklyn na casa de Yetta Zimmerman (Rita Karin), que alugava quartos. Lá conhece Sofia Zawistowska (Meryl Streep) é polonesa e ex-prisioneira de um campo de concentração. Também faz amizade com Nathan Landau (Kevin Kline), o namorado de Sofia, um carismático judeu dono de um temperamento totalmente instável. Stingo não tem a menor idéia dos segredos que a moça esconde e tampouco da insanidade de Nathan.
 
Entre Dois Amores – 162 min – 1985

Na década de 1920, Karen Blixen (Meryl Streep), uma rica dinamarquesa, vai morar em uma fazenda no Quênia com Bror Blixen-Finecke (Klaus Maria Brandauer), um barão com quem se casou por conveniência. Sendo mais amigos que amantes, o casal acaba se separando e enquanto ele vai embora ela continua trabalhando e se adaptando ao novo lar até que conhece Denys Finch Hatton (Robert Redford), um aventureiro e aristocrata inglês com quem tem um forte envolvimento e se torna o grande amor da sua vida.
 Um Grito no Escuro – 121 min – 1988

O pastor adventista Michael Chamberlain (Sam Neil) vai para a Austrália com a esposa Lindy (Meryl Streep) e os três filhos, sendo um deles um recém-nascido. Certa noite o bebê some carregado por um cão selvagem, mas as buscas para encontrá-lo não dão em nada. O estranho comportamento dos pais da criança desperta desconfianças e eles são acusados de fanatismo religioso. O caso vai parar nos tribunais e, apesar de num primeiro momento serem absolvidos, algumas suspeitas surgem e Lindy novamente é julgada e condenada a prisão perpétua.
 
A Morte Lhe Cai Bem – 103 min - 1992 

Madeline Ashton (Meryl Streep) é uma egocêntrica atriz que rouba da aspirante a escritora Helen Sharp (Goldie Hawn) o noivo. A autora se sente rejeitada, mas após alguns anos lança um livro sobre beleza já que ela se tornou especialista no assunto e está com uma aparência invejável. Já Madeline, sentindo-se cada dia mais velha, recorre a uma mulher que oferece uma poção milagrosa que por acaso é a mesma que Helen usa. As duas mais uma vez se encontram em pé de guerra, mas de certa forma unidas contra um terrível efeito colateral.

A Casa dos Espíritos – 150 min – 1993


Esteban Trueba (Jeremy Irons) é um homem que enriquece e se casa com Clara (Meryl Streep), uma jovem com estranhos poderes. O casal vai morar em uma fazenda que Trueba recuperou e logo se estabelece um vínculo entre sua amarga irmã Ferula (Glenn Close) e sua esposa. O chefe de família se envolve com política e se torna um defensor do conservadorismo, mas sua filha Blanca (Winona Ryder) quando adulta demonstra simpatia pela causa contrária e desafia o pai ao se envolver com Pedro (Antonio Banderas), um romance que ele não aprova.
As Pontes de Madison – 135 min – 1995

Após a morte de Francesca Johnson (Meryl Streep), uma proprietária rural do interior do Iowa, seus filhos descobrem através de cartas que ela própria deixou que a mãe teve uma relação muito próxima com Robert Kincaid (Clint Eastwood), um fotógrafo da National Geographic, quando a família se ausentou de casa por quatro dias. A fazendeira e seu affair reencontraram a esperança no amor neste encontro que não durou muito tempo, mas o suficiente para ser inesquecível. Estas revelações fazem os filhos questionarem seus próprios casamentos.

As Filhas de Marvin – 98 min – 1996

Marvin (Hume Cronyn) sofreu um derrame, ficou incapacitado e passou a ser cuidado por sua filha Bessie (Diane Keaton) que também é responsável pela tia Ruth (Gwen Verdon), que sofre de uma doença na coluna desde criança. Lee (Meryl Streep), a irmã mais nova de Bessie, não dá atenção para a família e vive longe há anos. Ao descobrir que sofre de leucemia e necessita de um transplante de medula óssea, Bessie pede ajuda à irmã. Lee vai então visitá-la levando consigo seus filhos Charlie (Hal Scardino) e o revoltado Hank (Leonardo DiCaprio).
 
O Diabo Veste Prada – 109 min – 2006

Andrea Sachs (Anne Hathaway) conseguiu emprego em uma importante revista de moda americana mesmo sem saber nada sobre o assunto. Ela passa a trabalhar como assistente de Miranda Priestly (Meryl Streep), principal executiva da revista. Apesar da chance que muitos sonhariam em conseguir, logo Andrea nota que trabalhar com essa chefona não é nada fácil. Pouco a pouco ela abre mão de sua vida pessoal para atender aos caprichos de Miranda. Isso lhe ajuda no campo profissional, mas acaba a transformando em outra pessoa.
 
Julie e Julia – 123 min – 2009

Na década de 1940, Julia Child (Meryl Streep) foi morar em Paris devido ao trabalho de seu marido, Paul (Stanley Tucci). Em busca de algo para se distrair, ela acaba se interessando por culinária e passando a apresentar um programa de TV sobre o assunto. Cinquenta anos depois, Julie Powell (Amy Adams) é uma jovem que está em busca de um objetivo de vida e resolve passar um ano cozinhando as receitas do livro da famosa Julia ao mesmo tempo em que relata todas as suas experiências na cozinha em um blog.

Nenhum comentário:

Você também pode gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...